]

Nicola Oricchio: Desidratação no mundo das lutas

0

Fisioterapeuta fala sobre os perigos da desidratação

Por: Nicola Oricchio

A Terra é composta por aproximadamente 70% de água, um corpo humano adulto em média é composto por 60 a 70% de fluidos líquidos. Esse número corresponde a uma importante parcela no peso corporal e, portanto, torna-se indispensável a reposição de água para a manutenção do equilíbrio fisiológico e metabólico no nosso organismo.

Reidratar-se, sobretudo antes, durante e após um treinamento de alta intensidade torna-se um dos métodos de prevenção de lesão mais simples de ser realizado. Por se tratar de parte relevante no peso corporal, os líquidos perdidos na desidratação que antecedem as lutas para que o atleta atinja o peso desejado, esse método de perda de peso tem se tornado cada vez mais frequentes no mundo das lutas por categorias de peso.

O que pouco se pensa são as consequências que essa atitude por resultar. A desidratação pode acarretar em câimbras, lesões musculares e estudos mais recentes apontam a falta de líquido como fator importante no aparecimento de tendinopatias, famosas inflamações nos tendões. Além de fraqueza, confusão mental em casos mais extremos e, há relatos, de óbito

Como qualquer método de perda de peso, deve-se sempre procurar um profissional capacitado para que prescreva as melhores maneiras de se atingir esse objetivo. Hidratar-se é importante, assim como ler. Portanto, bebam água e boa leitura,

Por se tratar de parte relevante no peso corporal, os líquidos perdidos na desidratação que antecedem as lutas para que o atleta atinja o peso desejado, esse método de perda de peso tem se tornado cada vez mais frequentes no mundo das lutas por categorias de pesos, mas acho que posso inverter essa parte para a desidratação tem se tornado uma prática frequente nas competições que dividem as categorias por peso. 

Share.

About Author

Leave A Reply