]

Aos 45 anos, Karlona busca patrocínio para disputar torneios fora do Brasil: “Ainda estou com muita lenha para queimar”

0

Lutadora vem se destacando em competições de Jiu-Jitsu pelo país

Por: MMA Premium

As dificuldades de um atleta profissional de Jiu-Jitsu passam longe dos tatames. Apesar de algumas estrelas já viverem do esporte, está não é a realidade de muitos nomes que sofrem com a escassez de investimento na modalidade. Aos 45 anos de idade, Karla Hipolito é um grande exemplo de atleta que busca investimento para seguir lutando, e conquistando título mundo afora.

“É muito difícil um atleta brasileiro conseguir patrocínio, ainda mais sendo mulher! Tenho feito aulões, rifas, pedidos, e alguns amigos me ajudam”, declarou a veterana, mais conhecida como Karlona no meio da arte suave.

Graduada como professora de Jiu-JItsu em 2001, Karla Hipolito atualmente tira o seu sustento do trabalho como personal-trainer. Intercalando seu trabalho na academia com os seus treinos, Karlona no ano passado conquistou alguns títulos como o de Campeã Internacional de Master e do Rio Winter 2016, elevando seu nome como uma das melhores lutadoras do ano no cenário brasileiro.

“O difícil é a gente conciliar os trabalhos com os treinos, alimentação e suplementação, pois sou professora de educação física trabalho desde as 6 da manhã até às 22h sem parar”, lamentou Karlona, que ainda não consegue viver apenas no esporte.

Inspirada pelo seu amigo e companheiro de treinos Leonardo Rodrigues, da Top Brother, a lutadora atualmente figura entre as 30 melhores do Ranking da IBJJF. Focada em disputar o Pan, Internacional de Master de Jiu-Jitsu, Brasileiro Gi e Sul-Americano em 2017, Karlona não esconde o desejo de ser campeã mundial, no qual depende de patrocínio para disputá-lo:

“Treino forte todos os dias e estou na minha melhor fase como atleta de Jiu-Jitsu profissional. No mundial estarei com 46 anos e no auge do meu treinamento. Ainda estou com muita lenha para queimar, sei que posso ser campeã do mundo”, afirmou Karlona.

Exemplo de superação dentro e fora nos tatame, Karla Hipolito busca em 2017 patrocínio e apoio para seguir conquistando títulos e mostrando toda sua técnica, não só no Brasil, como em grandes competições pelo mundo.

Share.

About Author

Victor Nunes

Leave A Reply