Bellator 180: Chael Sonnen vence Wanderlei Silva com “facilidade”

0

Frustrado, Wanderlei saiu muito irritado do confronto

Por: Victor Nunes

Marcado para acontecer por diversas vezes no UFC, o duelo entre Chael Sonnen e Wanderlei Silva foi ocorrer justamente em seu maior concorrente, o Bellator. Na edição número 180 da organização, os rivais foram escaladas para abrilhantar o evento. “Falastrão” fora do cage, Sonnen mostrou mais uma vez que não se trata apenas de um personagem, batendo o “Cachorro Louco” por decisão unânime (30-26, 30-27 e 30-27) ao fim de três rounds.

“Eu finalizei Tito Ortiz em menos de um minuto, venci Wanderlei, e Fedor Emelianenko, você pediu meu autógrafo nos bastidores, eu decidi que vou te dar, mas no final de um contrato para enfrentá-lo”, declarou Sonnen, que, na verdade, foi finalizado por Ortiz, mas reclamou de uma suposta desistência dele antes.

Sonnen não vencia uma luta desde agosto de 2013, quando finalizou Maurício Shogun, pelo Ultimate, já no duelo contra Wanderlei, no Madison Square Garde, o lutador logo tratou de aplicar uma queda no brasileiro. O que seria o desenho do duelo. Wanderlei até conseguiu balançar o norte-americano, e no primeiro round, por pouco não nocauteou, mas Sonnen conseguiu se recuperar.

Melhor do início ao fim, Chael Sonnen abuscou das quedas para pontuar. Já Wanderlei Silva pouco conseguiu diante do norte-americano, que foi declarado vencedor por decisão unânime (30-26, 30-27 e 30-27). Ao fim do confronto, muito irritado, Wanderlei ainda tratou de empurrar Sonnen enquanto fazia a entrevista pós-luta no cage.

Bellator 180: Sonnen x Silva
24 de junho, em Nova York (EUA)

CARD PRINCIPAL:
Chael Sonnen venceu Wanderlei Silva por decisão unânime (30-26, 30-27 e 30-27)
Neiman Gracie venceu Dave Marfone por finalização aos 2m27s do R2
Matt Mitrione venceu Fedor Emelianenko por nocaute técnico a 1m14s do R1
Brent Primus venceu Michael Chandler por nocaute técnico (interrupção médica) aos 2m22s do R1
Zach Freeman venceu Aaron Pico por finalização aos 24s do R1
Douglas Lima venceu Lorenz Larkin por decisão unânime (50-45, 48-47 e 48-47)
Ryan Bader venceu Phil Davis por decisão dividida (49-46, 47-48 e 49-46)
Peso-pena: James Gallagher venceu Chinzo Machida por finalização aos 2m42s do R1
Peso-mosca: Heather Hardy venceu Alice Yauger por nocaute aos 4m47s do R3
CARD PRELIMINAR
Ryan Couture venceu Haim Gozali na decisão unânime dos juízes (30-26, 30-27, 30-27)
Bradley Desir venceu Nate Grebb por nocaute aos 2m54s do R1
Anthony Giacchina venceu Jerome Mickle por finalização aos 3m47s do R3
Matt Rizzo venceu Sergio da Silva por finalização aos 3m48s do R3
Hugh McKenna venceu John Salgado por finalização aos 4m06s do R1

Share.

About Author

Victor Nunes

Leave A Reply