Exclusivo: Pedro Munhoz comenta sobre derrota para Dodson e luta no UFC 227

0

O brasileiro Pedro Munhoz enfrenta Brett Johns dia 04 de agosto, no UFC 227

Por: Claiton Freitas e Victor Nunes

Aos 31 anos e vindo de uma derrota polêmica para John Dodson, Pedro Munhoz encara Brett Johns no UFC 207 que acontece nesse sábado, em Los Angeles. Pedro Munhoz nos respondeu algumas perguntas sobre sua carreira:

Como avalia o resultado da luta contra John Dodson?

“Não acho que foi um resultado justo a luta com o John Dodson, eu fui o cara que buscou a luta do começo ao fim, fui o cara que controlei o centro do octógono, os meus golpes foram mais contundentes enquanto ele só marcava, eu busquei o término da luta, busquei o nocaute ou a finalização, chutei mais, coloquei ele para baixo. Enfim, eu busquei e fui o mais agressor na luta. Eu acho que o resultado não foi justo, foi uma decisão dividida dois árbitros deram a vitória para ele e um deu para mim. Acho que em Las Vegas aconteceu muito a parada do boxe, da comissão e não sei aonde eles viram a vitória dele. Saí sem nenhum arranhão, saí ileso. Mas, renovei meu contrato faltando uma luta, acho que o UFC entendeu que fui prejudicado. “

 Satisfeito com o adversário para o UFC 227?

“Na verdade, eu não busco adversários, eu luto com qualquer um que o UFC forneça. Sou o número 9 da categoria e o Brad Jones vinha de uma boa sequência de vitórias e só perdeu a última luta por decisão. Todos os lutadores do UFC são bons e experientes, senão não estariam lá. E uma vitória sempre irá me colocar em uma melhor colocação no ranking, independente do adversário. ”

O UFC 227 terá Cody Garbrandt contra TJ Dillashaw pelo título da categoria, estaria pronto para substituir algum deles caso ocorra algum problema?

“Sim, já tínhamos pensado nisso, caso algum dos lutadores se machuque, ficarmos prontos para salvar a luta principal do evento. E com certeza estaria apto e disponível para recuperar a luta principal e lutar com qualquer dos dois, seja o Cody Garbrandt ou seja o TJ Dillashaw. ”

O atleta da American Top Team,  o peso-galo Pedro Munhoz possui um cartel de 15 vitórias, apenas três derrotas e uma luta sem resultado. 

Share.

About Author

Claiton Freitas

Um jovem gaúcho apaixonado pelo mundo das artes marciais mistas.

Comentários no Facebook