fbpx

Campeã do Nação Cyborg, Vanessinha Guimarães fala sobre volta por cima

0

Lutadora ficou afastada por um longo período das artes marciais mistas

Por: MMA Premium

Representante da Fight Clan e da Fight Only, Vanessa Guimarães ou simplesmente “Vanessinha” como é conhecida, retornou ao MMA com estilo depois de ficar um longo tempo molho devido a inúmeras lesões. Quase 3 anos depois de sua última luta, ainda no Imortal FC, o retorno de Vanessa não podia ser melhor. Uma das estrelas da quinta edição do Nação Cyborg, a lutadora não só venceu seu confronto contra Aline Pires, como também levou o cinturão peso-palha pra casa.

— Esse cinturão significou muito, após ficar quase 3 anos afastada, tinha pensado até em desistir do MMA. Quando apareceu essa oportunidade a vontade de voltar a competir foi imediata, aceitei na hora, e foi a motivação que precisava para voltar aos treinos e me dedicar muito. Quando meu braço foi erguido no final da luta foi uma sensação de dever cumprido e alegria inexplicável, ali eu percebi o quando eu amo esse esporte e que ainda vou dar muito trabalho para minhas adversárias.

Uma das mais promissoras atletas do cenário nacional de MMA, Vanessa acumula 5 vitórias em 10 lutas disputadas na carreira. Acumulando passagens pelo Aspera FC, além do XFC International, a lutadora espera por desafios ainda maiores na carreira após a conquista do cinturão do Nação Cyborg. Questionada sobre o seu retorno triunfal ao cage, a atleta de 29 anos revelou que não poderia estar melhor, tanto na parte técnica, física ou mental:

— Disso não tenho dúvidas (sobre evolução), voltei muito melhor fisicamente e mentalmente. Estou muito mais focada graças ao trabalho de toda minha equipe que me dá todo o suporte e acredita muito em mim.

No cenário nacional Vanessa já enfrentou atletas de peso como Viviane “Sucuri” (Invicta FC), Liana Pirosin (Invicta FC) e Marina Rodriguez (UFC). Natural da cidade de Curitiba, no Paraná, Vanessa Guimarães tem como principal especialidade o muay thai, porém tem afiado o jogo no Jiu-Jitsu, modalidade no qual pretende se manter ativa enquanto negocia para voltar as artes marciais mistas até o começo do próximo ano:

— Agora o foco total no MMA é me manter ativa, treinar bastante. Também quero competir no Jiu-Jitsu, o objetivo é me manter sempre pronta para encarar qualquer oportunidade que aparecer.

Enquanto aguarda pelo próximo compromisso nas artes marciais mistas, Vanessinha pretende manter-se competindo nos torneios de Jiu-Jitsu, modalidade no qual já conquistou diversos torneios, e é graduada como faixa-azul.

Share.

About Author

Redação MMA Premium

Com uma equipe de redatores formada por estudantes e graduados na área de comunicação, buscamos trazer o que há de mais recente e curioso no mundo das artes marciais mistas.

Leave A Reply