Conheça mais sobre Rose Volante, a primeira campeã mundial brasileira de boxe

0

Pugilista luta por três cinturões mundiais no dia 15 de março nos Estados Unidos

Por: Assessoria de Imprensa

Rose Volante, primeira brasileira campeã mundial de boxe, lutará no dia 15 de março contra a irlandesa Katie Taylor, em busca de três cinturões. O combate será no Liacouras Center, na Filadélfia, Estados Unidos, durante as festividades do Saint Patrick Days.

Profissional desde 2014, a pugilista paulista começou na modalidade com o objetivo de perder peso, aos 26 anos. No boxe amador foi campeã paulista, brasileira, sul-americana, europeia e chegou a ser reserva da equipe brasileira na Olimpíada de Londres, em 2012.

”Pesava 105 kg e comecei a fazer boxe. Uma porque eu gostava e outra porque tinha lido uma matéria falando que, em um treino, uma pessoa poderia perder de 800 a 1000 calorias. Pensei: vou conseguir o que quero com o esporte que gosto”, conta Rose Volante.

“The Queen” tem no seu cartel profissional 14 vitórias em 14 lutas, sendo oito delas por nocaute. Campeã mundial da Organização Mundial de Boxe (WBO) em 2017, a pugilista de 36 anos já fez duas defesas de seu título e espera voltar para casa com mais os dois cinturões em jogo.

A irlandesa campeã olímpica em 2012, tem os títulos mundiais da WBA (Associação Mundial de Boxe) e da IBF (Federação Internacional de Boxe) e acumula 12 vitórias no seu cartel profissional (cinco nocautes).

”Ela é rápida, ágil e já foi campeã olímpica. Mas a luta é difícil tanto para mim quanto para ela. Sou campeã do mundo. Estou disposta a ir lá, colocar meu cinturão na mesa e trazer os três para o Brasil. A preparação continua em um ritmo muito forte”, finaliza Rose Volante.

Sobre Rose

Rose Volante é a primeira brasileira campeã mundial de boxe pelo Conselho Mundial de Boxe (WBO). A atleta começou sua trajetória no boxe aos 26 anos.

Como atleta amadora, ela foi campeã paulista quatro vezes, brasileira três vezes e quatro vezes campeã dos Jogos Abertos no interior paulista.

Foi convocada para a Seleção Brasileira de Boxe e campeã sul-americana no Chile, em 2011. No mesmo ano ela ficou em sétimo lugar no Mundial da China.

Em 2012 ela foi medalha de prata no Pan-americana de boxe no Canadá. No mesmo ano, Rose foi reserva da Seleção Brasileira nas Olimpíadas de Londres e em 2013 tornou-se campeã europeia.

Em 2014, aos 31 anos, decidiu entrar para o boxe profissional. Na sua trajetória profissional, Rose foi campeã paulista, campeã internacional duas vezes, campeã latina também por duas vezes e campeã mundial dos pesos-leves pela OMB (Organização Mundial de Boxe), uma das quatro principais entidades gestoras do boxe profissional.

Na disputa pelo cinturão, Rose venceu a luta contra a argentina Brenda Carabajal em dezembro de 2017.

Share.

About Author

Redação MMA Premium

Perfil exclusivo para publicação de releases e matérias relacionadas a MMA e outras artes marciais.

Leave A Reply