fbpx

Faixa-preta revela como a meditação o ajudou a otimizar seus treinos

0

Atleta e professor de Jiu-Jitsu, Gabriel Marinho também ministra aulas de Crossfit no Rio de Janeiro

Por; MMA Premium

Faixa-preta com vários anos de experiência na arte suave, Gabriel Marinho é um nome reconhecido do circuito nacional da modalidade. Aos 36 anos, o atleta comanda a academia “Pro Combat” situada na zona oeste do Rio de Janeiro, onde ministra aulas de Jiu-Jitsu e de CrossFit, e ostenta a sua própria marca profissional, a “Wild Horses”. Com uma vida agitada no âmbito profissional, Gabriel revelou como a meditação tem o ajudado a conciliar as inúmeras obrigações, lembrando que o atleta ainda se mantém ativo nas competições de Jiu-Jitsu:

— Por mais estranho que pareça, meditar foi o caminho que encontrei, para dar conta de aulas de Jiu-Jitsu, CrossFit, treinos, administração da academia, casa e família. Tento o tempo inteiro manter a cabeça no que estou fazendo e isso tem me ajudado bastante. Melhorar os processos de organização também é outra coisa que diminui o gasto de tempo com coisas desnecessárias. Com os treinos não é muito diferente. Vou ajustando meus horários e metas para manter os treinos. Enfim, é uma engrenagem gigante que exige além de dedicação, um time muito bom no trabalho e uma família unida. Graças a Deus, tenho tudo isso.

Graduado à faixa-preta como atleta da equipe GF Team, no qual ainda representa pelo Rio afora, Gabriel Marinho acumula diversas medalhas na arte suave. Campeão Mundial (CBJJO) e do Campeonato Brasileiro (CBJJ), o faixa-preta ainda ajudou a equipe a ficar com o ouro do Campeonato Brasileiro por equipes em 3 ocasiões distintas. Questionado sobre o maior foco atualmente, se como atleta ou professor, Gabriel revelou:

— Meu maior foco sempre foi aprender. Não sou apenas professor ou só atleta. Então preciso otimizar meu tempo e ter tudo muito bem organizado. Acho que ser professor e atleta são atividades que se complementam e se fortalecem. Se eu competir, eu aprendo mais e consequentemente, tenho mais conhecimento à oferecer aos meus alunos e atletas. E com um conteúdo programado de boa qualidade para os meus alunos, melhor será o treino na academia onde eu também treino. 

Além de se dedicar ao Jiu-Jitsu como já foi dito, Gabriel Marinho também tem se destacado no cenário do CrossFit. Modalidade com cada vez mais adeptos no Brasil, o CrossFit combina diferentes exercícios a fim de melhorar o condicionamento físico e oferecer inúmeros benefícios seja para quem já é atleta ou não.

Ao falar sobre como a modalidade pode ajudar na preparação de um lutador de alta performance, Gabriel Marinho fez as suas ressalvas, ressaltando a importância de evitar os treinos durante a temporada de competições:

— O CrossFit é uma atividade muito boa, mas não pode ser encarada como um processo de preparação física para um atleta de Jiu-Jitsu. Dependendo do planejamento da temporada, esse atleta pode treinar sem problemas algum.  Já fora da temporada principal acredito que o CrossFit pode ser uma ferramenta positiva no treinamento tanto de atletas e praticantes de Jiu-Jitsu. Aos atletas vale a recomendação: procurem profissionais que entendam a sua realidade.

Apenas em 2019 o faixa-preta ficou com a prata do BJJ Pro SP, além do segundo lugar no Vitória Open No Gi, e do bronze com quimono na mesma competição. Conciliando as diversas atividades profissionais, Gabriel continua ativo nos treinos de olho em novas conquistas no próximo ano.

Share.

About Author

Redação MMA Premium

Com uma equipe de redatores formada por estudantes e graduados na área de comunicação, buscamos trazer o que há de mais recente e curioso no mundo das artes marciais mistas.

Leave A Reply