fbpx

Hugo Mayer destaca preparação com Bruno “Tank” para o Austin Open

0

Faixa-preta volta a estar sob comando do treinador: “É o que mais me anima a lutar”

Por: MMA Premium

Hugo Mayer, assim como outras faixas-pretas da Soul Fighters é pupilo de Bruno “Tank” Mendes, um dos mais conceituados treinadores da modalidade nos Estados Unidos e co-fundador da equipe. Líder da Soul Fighters Evidence, situada no bairro da Tijuca no Rio de Janeiro, o lutador viajou recentemente para os Estados Unidos, onde além de reencontrar velhos amigos, aproveitou para lutar o GT Open em sua passagem pela Guatemala.

— Foi uma experiência muito boa. No início fiquei nervoso demais por lutar muito longe de casa e da zona de conforto. Quando cheguei no local do evento, vi que era só mais uma campeonato como qualquer outro. Não tem mistério. Fui lá e lutei — destacou o lutador que ficou com o título do evento.

Em busca de uma melhor colocação no Ranking da FJJD-Rio, Hugo Mayer foi medalhista na última etapa da temporada antes de voltar às atenções para o Austin Open, quando retorna para os Estados Unidos no próximo ano. Prata no “Brasileiro de Equipes” da CBJJ, quando ajudou a Soul Fighters a ficar com o vice-campeonato do torneio, Hugo Mayer vai para o Texas afiar o seu jogo em busca de conquistas ainda maiores na carreira em 2020:

— Meu foco agora vai ser me preparar pra janeiro. Vou de férias para o Texas e vou treinar por lá para desenvolver meu Jiu-Jitsu. O Tank fez um aulão na nossa academia esse mês e eu vi como vai ser bom poder aprender lá com ele por 20 dias.

Atletas como Igor Paiva, Erick Raposo, e Augusto “Tanquinho”, irmão mais novo de Bruno “Tank” são alguns dos nomes de maior destaque da equipe fora do país. Aos 32 anos, o peso-leve pretende aproveitar os dias que vai passar sob o comando do treinador para além de chegar ao lugar mais alto do pódio do Austin Open, levar esse conhecimento para as futuras competições que for disputar em território nacional:

— Vai ser o primeiro campeonato desde a faixa-azul que vou poder fazer uma preparação com o Tank e lutar sob o comando dele. Entendo que o Austin Open vai ser como qualquer outro campeonato aqui no Rio, mas voltar a estar sob o comando do Tank é o que mais me anima a lutar.

Além de buscar o título do Austin Open nos Estados Unidos, Hugo Mayer busca abrir portas no cenário norte-americano em busca de uma possibilidade de trabalhar com a arte suave e tentar o visto para o país no futuro.

Share.

About Author

Redação MMA Premium

Com uma equipe de redatores formada por estudantes e graduados na área de comunicação, buscamos trazer o que há de mais recente e curioso no mundo das artes marciais mistas.

Leave A Reply