Manuel Ribamar domina WSG de Jiu-Jitsu e fatura 20 mil dólares: “Não ser favorito não me abalou”

0

Atleta faturou o prêmio máximo do evento

Manuel Ribamar, 24 anos, brilhou no último fim de semana em Los Angeles, na Califórnia. O faixa-preta, que representa a Brotherhood e Rodrigo Pinheiro, capturou 20 mil dólares no World Series of Grappling 2, ao vencer cinco lutas, contra Gabriel Arges, Jaime Canuto, Léo Lara, Victor Silvério e Sergio Rios.  
De acordo com a mídia especializada, o faixa-preta não foi citado como um dos favoritos. Porém, nada disso afetou o jovem lutador. 
“Cada luta foi uma guerra. Lutei focado e concentrado sempre na frente. A minha cabeça está no lugar certo tenho as pessoas certas ao meu redor. Não ser cotado como um dos favoritos, isso não me abalou nem pouco. Deus escolhe aquele que não é e faz ser. Ele tem sido fiel comigo e seu nome é Jesus Cristo. O dedo mostra que eu não sou nada mais que Ele é tudo .”, revela Ribamar. 
Na disputa pelos 20 mil dólares de premiação, Ribamar encarou Victor Silvério (Gracie Barra) por três rounds, de seis minutos. Em todas as oportunidades, o manauara foi declarado campeão. No último round, já bastante desgastado, conseguiu passar a guarda de Silvério. 
“Eu havia ganhado os dois primeiro rounds. Então, a única forma de ele me vencer seria me finalizando. Eu usei desse momento para esperar ele abrir mais o jogo e eu consegui fazer o melhor, que é passar guarda”, comenta o campeão.
Share.

About Author

Bill Santos

Abílio Santos, CEO do MMA Premium, sócio da Try mídia e atendimento na Seri.e Design. Todo sucesso vem do esforço e para isso não meço limites, um eterno fanático por inovação pela evolução.

Comentários no Facebook