Rival de Tim Hague relata drama após nocaute que culminou na morte do lutador

0

Braidwood afirmou: “Fiquei de joelhos querendo que ele se mexesse”

Por: Victor Nunes

Adam Braidwood, boxeador que aplicou o nocaute fatal sobre Tim Hague, publicou um vídeo em uma suas redes sociais falando sobre o drama ocorrido no dia da luta que culminou no falecimento do ex-lutador do Ultimate:

“Não foi culpa de ninguém, muito menos do árbitro. Ele perguntou se Tim queria continuar lutando. Ele estava consciente, respondendo claramente ao que era perguntado. Eu vi o vídeo. Tim estava consciente, e disse que queria voltar a lutar. Essa é a verdade, não há nenhuma especulação sobre isso. Ele queria continuar lutando, e nós lutamos.”

O boxeador deixou claro que não houve culpados na morte de Hague. Para ele, o ocorrido foi uma fatalidade. Braidwood também revelou ter sentido que algo grave havia acontecido assim que Hague desabou no ringue. 

“Eu sabia. Eu vi ainda no ringue. Eu vi a forma como ele caiu. Fiquei esperando de joelhos, torcendo para que Tim se mexesse após a minha comemoração idiota. As pessoas podem dizer o que quiserem, mas eu eu fiquei ali de joelhos, olhando, querendo que ele se movesse. Eu o levantei, porque sua equipe estava tendo dificuldades em fazê-lo. Eu o levei até o córner, e pude ver o seu rosto.”

Braidwood também lamentou a situação da família do norte-americano Tim Hague e pediu que todos ajudem sua esposa e em especial seu filho, Brady, de apenas nove anos de idade.

“É uma situação terrível para todos os envolvidos. Quero que o foco esteja totalmente em Tim e em sua família, especialmente seu filho. Eles são as vítimas de verdade. Façam o melhor possível por eles, e não por mim. Eu estou vivo”, finalizou.

Foi criada inclusive, uma campanha de arrecadação coletiva para ajudar nas despesas do funeral de Tim Hague. Em cerca de 24h, o valor de US$ 30 mil foi quase que totalmente arrecadado.

Share.

About Author

Redação MMA Premium

Com uma equipe de redatores formada por estudantes e graduados na área de comunicação, buscamos trazer o que há de mais recente e curioso no mundo das artes marciais mistas.