Em busca de um legado no MMA, Thiago Manchinha fala sobre carreira e importância de bater o peso

0

Reconhecido como um dos lutadores mais perigosos do esporte, Thiago Manchinha se mostra pronto para gravar seu nome na história do MMA mundial

Um finalizador nato, Thiago Manchinha tem no seu currículo lutas incríveis, dos embates no leste europeu, ao combates nacionais, a fera figura como uma das presenças mais perigosas no cenário nacional.

Despontando no ranking do MMA Nacional, Thiago Manchinha acumula passagens por grandes eventos no país como Future, Shooto e Jungle Fight, o mineiro finalizador quer voltar logo ao cage e seguir a carreira vitoriosa que possui.

Seguindo as recomendações da OMS, o atleta segue treinando da melhor maneira possível e acredita que em breve as coisas vão voltar a normalidade, e quando voltarem veremos um lutador ainda mais perigoso.

A equipe do MMA Premium bateu um papo exclusivo com Thiago Manchinha sobre sua carreira e como ele espera que o cenário nacional fique após o COVID 19, confiram essa conversa incrível!

Thiago, você é um atleta com uma carreira muito  interessante e boas lutas, falta adversário pra ti no Brasil?

Infelizmente sim.A grande maioria dos atletas estão preocupados em fazer Sherdog e não em enfrentar os mais duros para assim chegar preparado nos grandes eventos internacionais.Enfrentar o que a de melhor no mercado nacional te prepara pro mercado internacional.

Qual será sua primeira meta pós pandemia?

Espero que essa pandemia acabe logo,estou doido pra lutar.Quero conquistar mais um cinturão pra minha carreira,que seja no future,sft ou novamente no Shooto talvez nos leves.Mais quero voltar a atuar logo.

Qual a importância de bater o peso para lutar? 

A partir do momento que se assina uma luta bater o peso é a primeira obrigação,porém algumas coisas têm que ser pensado.No que eu saiba,somente o SFT hoje tem um contrato de exclusividade com o atleta,muitos atletas pegam lutas de última hora,faltando 15,10 dias.Exigir que o atleta alcance o limite da categoria em 15 dias é uma covardia,o atleta aceita a luta e quase se mata pra alcançar o peso porque o cara quer lutar,ama isso,precisa da grana então ele arrisca o corpo e a performance em busca disso e muitas vezes não consegue.

O que fazer para se manter focado?

Manter o foco durante a quarentena não é difícil quando o atleta sabe o que ele quer.Eu tenho um legado a deixar e isso me motiva todos os dias a estar pronto pra lutar.

Thiago Manchinha - MMA PREMIUM

Com 17 vitórias na carreira, Thiago é mais um oponente de peso que pode figurar como main event em qualquer evento brasileiro e já pede passagem e grandes eventos internacionais, fiquem de olho nele!!

Share.

About Author

Bill Santos

Abílio Santos, CEO do MMA Premium, sócio da Try mídia e gerente comercial da CRP MANGO. Todo sucesso vem do esforço e para isso não meço limites, um eterno fanático por inovação pela evolução.