Com duelo marcado no UFC, Jennifer Maia afirma: “Eu preferia não lutar com uma brasileira”

0

Confronto contra Viviane Araújo acontece em junho, no Texas

Atual top 4 da categoria peso-mosca, Jennifer Maia espera se reerguer após a derrota sofrida em seu último combate, no UFC 244, onde caiu para a americana Katlyn Chookagian, em novembro de 2019. Para isso, terá um duro duelo pela frente contra a compatriota “Vivi” Araújo, no próximo dia 27 de junho, no UFC Austin.

Em live, realizada no Instagram do MMA Premium, a atleta da equipe Chute Boxe, disse que essa será uma das poucas lutas que faltam até chegar ao sonhado cinturão.

“A minha última luta poderia ter sido a decisiva para chegar na disputa de cinturão, mas acabei perdendo. Acredito que tudo vem na hora certa. Pode acontecer de eu ter mais uma ou duas lutas até conseguir, tudo acontecerá conforme o desenrolar da categoria.” – completou.

Se tratando do seu próximo compromisso no Ultimate, a curitibana Jennifer Maia não guardou que se pudesse escolher, não colocaria Araújo em seu caminho. – Não por medo, mas por patriotismo.

“Eu não gosto, já que estamos lá no maior evento de MMA e tem vários atletas de diversos lugares. Eu preferia não lutar com uma brasileira, mas ao mesmo tempo fico feliz, pois estamos mostrando que o Brasil está lá no topo. Tanto eu quanto ela não negamos uma luta, é o nosso trabalho. Fico contente pois estaremos representando o nosso país.” – afirmou, ao MMA Premium.

Confira a live completa

View this post on Instagram

Live com a lutadora do UFC Jennifer Maia

A post shared by MMA PREMIUM OFICIAL (@themmapremium) on

Jennifer Maia possui um cartel com 17 triunfos, seis derrotas e uma luta sem resultado. A especialista no Muay Thai retorna ao octágono mais famoso do planeta no dia 27 de junho, na edição que acontece na cidade de Austin, Texas – Estados Unidos.

Veja uma dica de jiu-jítsu com Jennifer Maia:

Share.

About Author

Avatar

Estudante de jornalismo, apaixonado por futebol e MMA.