Depois da vitória no UFC 229, Vicente Luque deseja enfrentar Jorge Masvidal

0

Vicente Luque revelou que viveu um drama antes do UFC 229

Por: MMA Premium

O brasileiro Vicente Luque conseguiu uma grande vitória no UFC 229 contra Jalin Turner e mirou voos maiores na categoria peso-meio-médio.  Luque dedeja enfrentar o experiente Jorge Masvidal e afirma que:

O que acho dessa luta é que o Jalin não é de expressão no UFC, mas é uma luta que peguei com duas semanas, contra um adversário que não tem vídeo, não tem como saber muito. É uma luta perigosa para um cara que vem de duas vitórias como eu. Não me importei com isso, sabia que uma vitória nesse evento tão grande seria o diferencial. O UFC valoriza quem faz esse tipo de coisa. O ranking… eu sou ranqueado independentemente do que o ranking diz. Eu me sinto assim, pronto para lutar contra qualquer um do top 15 ou contra o campeão. Logo estarei lá em cima. O Masvidal é um trocador, gosta de ir para a luta como eu, é uma luta perfeita para mim.

Com dengue, Vicente Luque viveu um drama em sua preparação para o UFC 229, e afirmou que:

Eu já estava treinando porque estávamos trabalhando para lutar nesse evento. Vários adversários não estavam querendo me enfrentar, então estavam atrás de alguém. Tive dengue quatro semanas atrás, fiquei uma semana e meia sem treinar, praticamente. Eu não falei nada ao meu empresário porque queria lutar, me sentia pronto. Fiquei ruim na semana da dengue, mas depois treinei. Quando ele ligou, falei que estava dentro. Expliquei que tive dengue, mas estava bem. Analisamos o adversário, vimos que não era um oponente tão experiente, era uma luta que dava para pegar, mesmo sendo dura. Eu estava confiante no meu potencial. Os treinos antes da dengue estavam muito fortes, tanto a preparação física quanto a evolução técnica. Venci a dengue e meu adversário.

Com boas atuações, Vicente Luque está se colocando como um dos bons prospectos dos meio-médios do UFC e deverá enfrentar adversários melhor ranqueados nas próximas lutas.

Share.

About Author

Claiton Freitas

Um jovem gaúcho apaixonado pelo mundo das artes marciais mistas.

Comentários no Facebook