fbpx

Após estreia em Las Vegas, Wallace Negão busca desafios maiores na carreira

0

Contratado do FFC, carioca busca uma chance no Glory Kickboxing

Natural da cidade do Rio de Janeiro, Wallace Lopes, também conhecido como “Negão” é uma das maiores referências do estado quando o assunto é trocação. Somando mais de 50 lutas na carreira, o lutador já faturou inúmeros títulos tanto no kickboxing, quanto no muay thai. Sem lutar MMA há mais de 3 anos, o atleta tem afiado em jogo em outras áreas para retornar com o pé direito ao octógono, seja no cenário nacional, ou no exterior:

— Os treinos estão fluindo bem com meu mestre Miltinho Vieira. Estou buscando evoluir sempre pra não só me defender no chão, mas ir com tudo atrás de finalizar meus adversários se o nocaute não vier!

Com uma vasta experiência no ringue, o atleta de 32 anos já ministrou seminários no Rio de Janeiro ao lado de ninguém menos do que José Aldo, uma verdadeira lenda do MMA. Contratado pelo FFC (Final Fight Championship) esse ano, o atleta fez a sua estreia no último mês em Las Vegas, quando derrotou seu rival de forma dominante na decisão dos árbitros laterais. Questionado sobre a realização do sonho de lutar pela primeira vez em Las Vegas, Wallace vibrou com a experiência:

Wallace Lopes
Wallace Lopes – Creditos WGP

— Foi incrível a experiência! Me senti muito bem, muito motivado e feliz. Acho que pra ficar melhor só se for lutando no maior evento de MMA do planeta, o UFC (risos).

Com passagem pelo WGP, Wallace Negão pode se orgulhar de ter lutado no maior evento de trocação da América Latina. Porém após estrear com um grande triunfo no FFC, o lutador espera ter a chance de mostrar o seu potencial no Glory, maior organização de kickboxing do mundo das lutas. Enquanto a sua oportunidade não chega, Wallace busca mostrar o seu potencial em outros eventos para quem sabe chegar ao evento com sede em Singapura com uma bagagem ainda maior.

— Se não aconteceu ainda é porque Deus ainda tem planos maiores pra mim. Mas estamos tentando contato pra ver se conseguir fazer acontecer — revelou Wallace ao falar sobre o sonho de lutar no Glory.

De olho em grandes conquistas em 2019 para fechar o ano com chave de ouro, o carioca deve disputar o cinturão do K-1 Profissional da CKBK (Confederação Brasileira de Kickboxing), o atleta também aguarda pela chance de lutar pelo título do FFC (Final Fight Championship) em Las Vegas.

Share.

About Author

Redação MMA Premium

Com uma equipe de redatores formada por estudantes e graduados na área de comunicação, buscamos trazer o que há de mais recente e curioso no mundo das artes marciais mistas.

Leave A Reply